ENTENDA O QUE É CULTURA ORGANIZACIONAL

ENTENDA O QUE É CULTURA ORGANIZACIONAL

Leila Dillmann
Leila Dillmann

Com o mercado de trabalho cada vez mais desafiador, as empresas percebem a importância de uma cultura organizacional clara e transparente.

Cada empresa possui sua própria cultura organizacional tendo como base conceitos, atitudes, concepções, valores e objetivos que são defendidos e identificam a filosofia da empresa.

O que é Cultura Organizacional?

A cultura organizacional é o modo como os integrantes da empresa atuam nos seus locais de trabalho, e como seus hábitos influenciam nos costumes e comportamentos que representam a empresa.

É representada pelas concepções da liderança e dos colaboradores, refletindo assim a maneira de pensar que prevalece na organização. Ou seja, a representação das normas não escritas e informais que conduzem o comportamento dos integrantes da empresa.

Ela também é responsável por definir a delegação dos objetivos da empresa. Sendo assim, é necessário que seja alinhada a outros aspectos de decisões e ações da companhia, como direção, planejamento, organização e controle, para ter uma melhora na representação da empresa.

É essencial frisar que a cultura organizacional e a liderança estão lado a lado, pois é importante que a administração decida o que é esperado dentro da empresa.

Por tanto, as seguintes indagações devem ser consideradas:

  • Somos uma empresa aberta a ideias?
  • Aceitamos inovações?
  • Valorizamos o aprendizado, ou somos mais rígidos?
  • Quais são as medidas para avaliar um bom trabalho?

Essas definições devem partir da liderança, para que a cultura organizacional represente os objetivos do negócio.

Qual a Importância de uma Cultura Organizacional?

Proporcionar a formação de uma cultura organizacional traz uma série de vantagens competitivas para a empresa, que ajuda no crescimento e no desenvolvimento de uma posição no mercado que a destaque na concorrência.

Possibilita um ritmo crescente de desenvolvimento acessível no planejamento de metas sustentáveis. Existem tais fatores concordantes observados em empresas que atuam em uma filosofia interna importante.

Fortalecimento da imagem da empresa: a valorização do capital humano está relacionada á cultura organizacional. Uma empresa que cuida e oferece oportunidades de elevação de carreira para seus funcionários incentivando a participação nas decisões organizacionais, passa a ter uma boa imagem dentro do mercado, construindo a sua marca empregadora.

Ajudando não só na hora de contratar os melhores talentos, mas também revela a responsabilidade em relação ao público interno.

Índice de produções elevado: quando é encontrado um bom ambiente de trabalho, em que se têm liberdade para expressar suas opiniões e se sentir confortável, os colaboradores conseguem contribuir com mais comprometimento e dedicação, o que aumenta os índices de produção da empresa.

Formação ente membros da equipe: uma cultura organizacional saudável é praticada em todos os níveis estruturais da empresa, desde a administração até os funcionários.

Quando existe esse posicionamento entre as equipes, os funcionários sabem de forma exata qual a postura a ser praticada, tendo acesso a uma comunicação padrão para todos os funcionários.

Quais são os tipos de culturas organizacionais?

São encontrados diversos tipos de culturas diferentes nas empresas.

  • Culturas adaptativas: é caracterizada por ser flexível e é voltada para mudanças e inovações. Está presente em organizações que praticam constantes atualizações e revisões em suas culturas, sendo criativas e inovadoras não tendo medo de mudar. Dividindo assim, de um lado, pela necessidade de inovar e pela adaptação para garantir atualizações contínuas, de outro lado, para garantir a identidade da empresa.
  • Culturas fortes: compartilham seus valores de forma contínua influenciando no comportamento e nas expectativas da maioria dos funcionários.

Mas como ter uma cultura organizacional?

Primeiramente entender QUEM é o seu negócio. Para isso devem-se entender os tópicos a seguir:

  • Valores;
  • Meios e medidas;
  • Missão e visão;

Definido isso, é essencial identificar quem é a empresa, para que a missão e visão não fiquem apenas no planejamento, tornando-se mero esboço.

Mas na verdade, a cultura é que define a missão e estabelece os objetivos da empresa. Entretanto, é necessário pensar em conjunto sobre as decisões e ações da empresa, como organização e planejamento.

Mas conquistar uma cultura corporativa competente exige muita dedicação, principalmente da liderança.

Imagem do CEO e Líderes

A imagem dos gestores sempre influencia a cultura organizacional, por ser o ponto de referência, afetando assim de forma direta todos os colaboradores. Isso porque eles são os primeiros a formar a equipe da empresa e os responsáveis pelas primeiras contratações.

Então se o CEO e os demais gestores não praticam a missão e os valores da organização, eles não conseguem fazer com que os funcionários também os cumpram.

E aí, qual a cultura organizacional da sua empresa?

Gostou do post? Compartilhe em suas redes sociais.

Até a próxima 💙

Gestão Empresarial

Leila Dillmann

Supervisora de Implantação e Suporte e redatora do Blog da IOPOINT